Como evitar a superlotação de peixes no seu aquário

A superlotação de um aquário é uma das principais causas de morte de peixes, sejam ela de qualquer espécie ou estilo de personalidade. Isso acontece pois, quanto mais peixes estão em um aquário, menos espaço e oxigênio eles terão para respirar e viver.

Então, cuidar desse ponto de criação de peixes é algo ideal e muito importante para a qualidade de vida dos peixes de um aquário. Aliás, recentemente, trouxemos um artigo específico e especial trazendo tudo sobre os cuidados que devemos ter com os peixes de um aquário.

Então, já te indico a dar uma olhada nesse conteúdo, que você encontrará várias dicas super importantes para a vida dos seus peixes. Mas, hoje vamos falar sobre como fazer o cálculo correto para saber a quantidade de peixes necessária para cada tamanho de aquário.

Assim, já te convido a ficar comigo até o final deste artigo, pois o conteúdo de hoje é simplesmente importantíssimo para seus peixes de aquário. E dito isso, vamos então aprender como medir a quantidade de peixes necessária para cada tamanho de aquário.

Principais regras de contagem

Regra dos centímetros (Ultrapassada e refultada)

Uma das formas de medição que eram mais utilizadas antigamente para se definir qual a quantidade de peixes correta para o aquário está extremamente ultrapassada. Então, caso alguém lhe indique a usar a regra dos centímetros, saiba que não se usa mais esse método de contagem.

A regra era muito simples, onde você contava 1 litro de água para cada centímetro que o peixe media de comprimento. Mas, isso está totalmente errado vendo que se você tivesse um aquário com 10 peixes de 4cm precisaria de um aquário de 40 litros, quase um aquário jumbo.

Regra do pote

Essa regra é muito utilizada por aquarista e requer muita atenção e um pouco de destreza para definir corretamente as quantidades de peixes no aquário. Então, por outro lado é uma das formas mais eficazes de saber qual a quantidade de peixes um aquário suporta. Então, abaixo vamos citar as formas de contagem nesta regra:

  • Assim, peixes de 2 a 5cm devem ter 1,5 litros de água disponíveis por centímetro;
  • Mas, os peixes de 6 a 9cm devem ter 2 litros de água disponíveis por centímetro;
  • Então, temos os peixes de 10 a 13 cm que precisam de 3 litros de água disponíveis por centímetro;
  • E por fim, os peixes de 14 ou mais centímetros devem ter acima de 4 litros por centímetro;

E dessa forma, você conseguirá ter peixes da quantidade correta no seu aquário, além de dar qualidade de vida necessária para que vivam por muitos e muitos anos.