As espécies de peixes mais difíceis de criar

Temos trazido várias listas sobre as características de alguns animais do ecossistema aquático, e suas peculiaridades. Se você nos acompanha, já percebeu que são artigos bem interessantes e cheios de informação, caso não acompanhe, te convido a a ver nossos posts.

Ultimamente, trouxemos uma lista dos animais mais raros, dos mais estranho e bizarros, e por fim, dos animais mais lindos do ecossistema marinho. Então, encerrando essa série, vamos falar sobre os animais mais perigosos das águas ao redor do mundo.

Então, te convido a ficar comigo até o final deste artigo para saber cada detalhe dessas espécies incríveis, mas extremamente perigosas.

Serpente marinha

Essa espécie, possui simplesmente o veneno mais poderoso do mundo animal. As serpentes marinhas são a espécie evoluída das cobras e serpentes terrestres. Mas, apesar de serem animais marinhos, possuem as mesmas características de sua família terrestre.

Mas, seu grande diferencial é o fato de que, elas possuem uma espécie de remo na ponta de seu rabo, e esse remo auxilia no nado. São encontradas nas águas do Índico e do Pacífico e se alimentam de moluscos e crustáceos, além de alguns peixes.

Para se ter uma ideia sobre a potência do seu veneno, ele equivale a 10x mais força letal em relação às serpentes terrestre, causando dor, espasmos e até parada respiratória. Mas, por outro lado, o ataque a humanos é impossível, já que seus dentes são tão pequenos que não atravessam nossa pele. Ufa!

Polvo-de-anéis-azuis

Essa espécie é incrivelmente linda, e chama atenção por não chegar a mais de 20cm de comprimento em sua fase adulta. Mas, apesar de pequena, possui um dos venenos mais poderosos do mundo e pode inclusive, ser letal a seres humanos.

Possuem uma cor marrom, e se camuflam facilmente nas pedras e recifes, e seus anéis azuis ficam brilhando quando se sentem ameaçado. Mas, para encontrá-los, você teria que ir às águas do pacífico, onde eles habitam e se alimentam de crustáceos e lagostins.

Sobre o seu veneno, como já dissemos antes, é um dos mais mortais do mundo e esse animalzinho de 20cm tem veneno suficiente para matar até 26 humanos adultos. Após a picada, a pessoa sente uma coceira, que avança para uma paralisia respiratória e em 15 minutos, o óbito. Então, o cuidado nessas regiões do Pacífico são imensos em relação a esse animal, principalmente pelo fato de que não existe um antídoto para seu veneno super poderoso.

Veja também o artigo Os peixes de aquário mais fáceis de cuidar