Pescaria na Região Nordeste

A costa brasileira é dividida em 4 grandes regiões: Norte, Nordeste, Sudeste e Sul. Mas, cada uma dessas regiões tem as próprias características pesqueiras que são denominadas pelo tipo de ambiente aquático que predomina na Região Nordeste.

Assim, a pesca de de mão(ou arrasto) de fundo é uma das principais atividade de pesca da Região Nordeste, principalmente na costa norte do estado de Alagoas e no sul da Bahia.

Então, a pesca de mão de fundo é praticada com embarcações de até 25 metros de comprimento, que usam vários tipos de anzóis para capturar peixes.

Banco dos Abrolhos

O Banco de Abrolhos é conhecido pela pesca de tarrafa, onde peixes pulam da água para escapar dos cardumes de atum e outros muitos peixes pelágicos.

Mas, além do atum, outras espécies de peixes exploradas no Banco de Abrolhos são o badejo, o peixe-voador, o camarão e o garoupa. Então, o Mar Novo é mundialmente conhecido pela pesca de linha de mão, onde se a principal espécie explorada é o camarão.

Mas, a região sul do Brasil é caracterizada por três diferentes tipos de costeira:

  • a faixa atlântica com as florestas tropicais úmidas, que se estende muito desde o litoral de São Paulo até o norte da Argentina;
  • então, a região da plataforma continental, que se predomina desde a Baía de Todos os Santos, na Bahia, até o litoral da Argentina;
  • a região da plataforma continental com costas rochosas e penhascos que se alastra do sul da Baía de Todos os Santos até a Argentina.

A estrutura oceanográfica e a topografia de fundo são semelhantes às da região nordeste. Existe uma expansão de plataformas continentais na altura de Vitória, gerando um grande banco de calcário.

Isso porque à baixa produtividade primária, não existem grandes concentrações de cardumes de peixes pelágicos e as pescas industriais acaba se tornando mínima e predomina a pesca de linha de mão em caíques.

Maiores pesqueiros do Nordeste

  • Açude de Taquari-Vassouras: O primeiro da lista é o açude de Taquari-Vassouras, a segunda maior barragem do Brasil seu açude possui capacidade para acumular 6.5 bilhões m³ de água;
  • Açude de Itaparica: O açude de Itaparica é o terceiro maior açude do Brasil, com capacidade de acumular de 5.6 bilhões de água;
  • Açude de Sobradinho: O açude de Sobradinho é o quarto maior açude do Brasil, com capacidade de acumular de 4.8 bilhões m³. de água;
  • Açude de Jati: O açude de Jati é o quinto maior açude do Brasil, com capacidade de acumular de 3.2 bilhões m³ de água;